Confirmado primeiro caso da febre Chikungunya em Petrolina, no Sertão

Curtir
Curtir Amei Haha Wow Triste Raivoso

Nesta segunda-feira (17) foi confirmado o primeiro caso da febre Chikungunya em Petrolina, no Sertão pernambucano. 
De acordo com a Vigilância em Saúde do município, a paciente é uma moradora do C1, do Projeto de Irrigação Senador Nilo Coelho, que fica na Zona Rural da cidade. 
Além do já confirmado, dois outros moradores estão sob suspeita e aguardam a confirmação.
Segundo a Vigilância em Saúde, a mulher está sendo medicada em casa e seu estado de saúde é estável. 
A suspeita é que a agricultora teria pego a febre em uma viagem que fez no mês de agosto para a cidade de Feira de Santana, na Bahia, município com mais casos já registrados no país.
A diretora de Vigilância em Saúde de Petrolina, Catarina Supino,  explica que além do caso confirmado, existem dois casos suspeitos de pessoas que frequentam a casa da agricultora infectada. 
“O material dessas pessoas já foram coletados e enviados para o laboratório Lacen da capital Recife.  
Elas apresentam sintomas semelhantes a febre chikungunya. A previsão é que de 10 a 15 dias seja divulgado o resultado”, destaca.
A diretora Catarina relata que a medida é fazer o bloqueio, evitando que os mosquitos não tenham contato com os infectados para que não surjam novos casos e assim não aconteça a transmissão.
O caso confirmado foi importado, pois a paciente se contaminou em Feira de Santana-BA. 
Se os dois novos casos forem confirmados serão autocnes, cuja transmissão aconteceu no próprio município.
G1 PE

Curtir
Curtir Amei Haha Wow Triste Raivoso

Deixe Sua Opinião

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.