Vilaron considera 2014 “ano especial” para o futebol de Santa Catarina

Curtir
Curtir Amei Haha Wow Triste Raivoso


O comentarista Wagner Vilaron considerou merecida a conquista da Série B pelo Joinville, principalmente pela organização do clube.

 O time do interior de Santa Catarina perdeu neste sábado para o Oeste, por 1 a 0, mas foi beneficiado pelo empate da Ponte Preta com o Náutico em 1 a 1.

 Além do JEC, o Avaí também subiu e a Série A de 2015 terá quatro clubes de Santa Catarina.

Isso porque Figueirense e Chapecoense conseguiram se manter na elite.


– Pela campanha do Joinville é mais do que justo.

 Mais um ano especial para o futebol catarinense.

O América-MG teve aquele probleminha com a perda de pontos, mas bateu na trave para entrar. 

E como é bom ouvir, em um momento em que jogadores têm problemas com atrasos de salários, inclusive na Série A, um jogador falando bem do clube e da organização.

 Tomara que o Joinville mantenha esse modelo também na Série A – analisou Vilaron.


O América-MG acabou terminando a Série B na quinta colocação, um ponto atrás do Avaí.

 O clube mineiro perdeu seis pontos por causa da escalação irregular do lateral Eduardo.




 Além dos catarinenses, também subiram para a Série A o Vasco e a Ponte Preta.

 A equipe paulista, inclusive, teve a chance de conquistar o primeiro título de sua história. 

Mas Adrianinho perdeu uma chance incrível já nos acréscimos. 

Vilaron considera esses acessos como as voltas de camisas “pesadas” à Primeira Divisão.


– A Ponte precisava de mais um gol, mas é muito bom voltar à Série A, que é uma grande camisa. 

Assim como o Vasco e o Avaí.

 Teremos uma boa série A no ano que vem.
Com Informações: Jefferson Santos
Curtir
Curtir Amei Haha Wow Triste Raivoso

Deixe Sua Opinião

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.